Metabolismo lento – como mantê-lo em dia

Metabolismo lento – como mantê-lo em dia

Metabolismo lento: fatores que influenciam e como mantê-lo em dia

 

Certamente você já ouviu ou mesmo falou uma frase bem parecida com esta: “quando eu tinha meus 20 e poucos anos, comia de tudo e não engordava”. Isso vai além da simples percepção de que não dá mais para “encarar” um rodízio de pizza no fim de semana com a mesma disposição, e possui uma explicação fisiológica. Neste texto blog, iremos explicar os fatores que influenciam o metabolismo e como mantê-lo em dia. 

 

Com o passar dos anos, temos uma redução do metabolismo basal (celular), que nada mais é do que a quantidade de energia que o corpo gasta para realizar apenas funções essenciais à vida, tais como a circulação do sangue, a respiração e o funcionamento dos órgãos. Embora não tenha um período exato para acontecer, surge com mais frequência a partir dos 30 anos, se intensificando ao redor dos 40 nos homens e dos 46 nas mulheres.

 

Fatores além da data de nascimento

 

Outras questões além do avançar dos anos influenciam na atividade metabólica. Entre elas, podemos citar:  

 

  • Genética: recebida por herança familiar
  • Peso corporal: quanto maior, mais lento tende a ser o metabolismo
  • Nutrição (alimentação): uma alimentação rica em gorduras e pobre em fibras e outras vitaminas importantíssimas para o pleno funcionamento do organismo também é um fator preponderante.
  • Prática de atividades físicas: quanto mais músculos temos, mais energia consumimos e vice-versa. Sendo assim, realizar atividades físicas de maneira recorrente torna o metabolismo mais acelerado. 
  • Estresse: o quanto nos desgastamos em nosso dia-a-dia também tem impacto nessa área. 

Não creia em dietas milagrosas

 

Em muitos casos, vemos pessoas recorrendo à dietas encontradas na Internet para “ativar” o metabolismo. É comum a aposta em alimentos termogênicos, como o café, gengibre, chá verde, entre tantos outros. Embora possam gerar sim algum resultado, também corre-se o risco de ter o chamado “efeito rebote”, por impactarem diretamente o sono, que é imprescindível para um pleno funcionamento metabólico. 

 

Ficar longos períodos sem se alimentar também não é o caminho, tendo em vista que quanto mais você demora para comer, mais lento será o seu metabolismo. Quando isso ocorre, seu corpo tentará poupar energia naturalmente, o que pode fazer com que você perca até mesmo a massa magra. 

A importância de uma rotina equilibrada

 

Se você deseja manter o seu metabolismo em dia, o “segredo” está em hábitos simples.Que uma vez implementados em sua rotina, farão toda a diferença. Vamos a alguns deles: 

Alimentação mais saudável e regrada: é importante fazer pequenas refeições ao longo do dia, a cada três horas, pois isso aumenta a queima de calorias. Dê preferência a alimentos integrais, além de frutas, verduras e legumes. Isto contribuirá para o trânsito intestinal, ajudam na perda de peso e contribuem para uma melhor imunidade do organismo. De quebra, eles também contam com ação antioxidante, o que irá diminuir o envelhecimento celular.

 

Atividades físicas: já mencionamos acima a importância da atividade física para o metabolismo, mas vale reforçar. Busque praticá-la com frequência. Se não é fã de academia e musculação, vale tentar investir em atividades ao ar livre, como caminhadas, andar de bicicleta ou até mesmo dançar. O importante é manter o corpo em movimento. 

 

Faça exames regulares: visite um médico ao menos uma vez ao ano para a realização de um check-up geral, incluindo exames de sangue, coração e níveis hormonais. Assim, é possível prevenir ou tratar qualquer problema que tenha surgido e que possa estar, pois acaba prejudicando o funcionamento metabólico. 

 

Conclusão

 

Ao longo do texto, buscamos demonstrar que é possível atenuar a desaceleração do metabolismo vivendo de maneira mais saudável. Mais do que a questão estética, acompanhar esta questão de perto contribui para sermos mais felizes, aproveitando na plenitude a beleza de cada fase da vida. 

 

Para conferir outros conteúdos do nosso blog, clique aqui!